October 31, 2012

No sewing

                                      Como fazer um tutu sem uma máquina de costura.
                                                       Obrigada pelo link S. ;)

Para ela, antigamente era tudo a carvão

A mais velha bate à porta com a mão e depois diz:

"Está alguém a bater à porta! É como em 1950, não havia campaínhas. Ahahahahaah!"

October 29, 2012

Particularidades delas....

A mais nova: Mãe, uva é com U ?

Eu: Sim.

A mais nova: E uísa também é com U não é?

Eu: Diz-se Luísa, por isso é com um L e um U a seguir.

A mais nova: Não, mãe! É uísa com U!


____________________________________________________________________

Eu: J. porque é que as tuas unhas estão sempre tão sujas? Tens de limpá-las sempre que lavas as mãos. está bem?

A mais velha: Oh mãe, mas eu estou sempre a limpar! Eu passo o lápis de carvão para tirar o sujo!

(Acho que o menino Tonecas deve ter passado cá por casa...)


Boo! I


Este ano resolvemos não levar as cestinhas de abóbora dos outros anos. As bolachas foram iguais, organizei-me mal e tivémos de fazer tudo um bocadinho à pressa. Por isso ao menos nos sacos, esmerámo-nos, depois do jantar ;)

Esta é a frente dos sacos. O Frankenstein rosa foi escolha da mais nova. Acho que ficou bem giro.

 E este é o verso. A mais velha quis a múmia e a mais nova fez a abóbora.
 As bolachinhas foram num invólucro horrendo, mas a mãe estava sem sacos plásticos e assim fica mais dentro do conceito. ;)
E até o pai descobriu um novo talento: facas. É um jeitoso é o que posso dizer. A foto não está grande coisa, mas a abóbora de 10Kg está bem gira.
Agora adivinhem de que é que vai ser a sopa nos próximos tempos?

October 26, 2012

Boo!




Este país não é para...

Depois de um post cor-de-rosa ouço as notícias. Uma medida governamental mais deprimente que a outra, uma mais impensável do que a outra... Visito uns blogues onde se fala da crise, onde se escreve sobre a revolta que se sente por aqui... Entro no Facebook. Falo com amigas que perderam o emprego, e com amigas que estão ansiosamente à espera de perder o emprego....

Levanto-me e vou para a rua arejar as ideias. Por enquanto, passear e apanhar sol ainda não paga imposto...

Love



E 3 anos depois o quarto delas vai tomando forma (agora que faltam 2 palmos para a mais velha deixar de acaber nesta cama...). As almofadas made by me (assim ao longe parecem tão perfeitinhas looooooooool), com tecido da Aline in Wonderland. O "V" pode um dia vir a ser um "U" porque quem costura o que sabe a mais não é obrigado. E as camas um dia poderão ser separadas, quando a mais velha deixar de ter medo de ficar sozinha. Mas assim o love também não ficava tão bem :)

October 25, 2012

Se isto pega, vira moda!


A mais velha: Mãe, agora faço colecção de bicos de lápis

Eu: (?!?!?)... e mais alguém faz essa colecção também?

Ela: O S. da minha sala está a fazer comigo.

Eu: Ah, então podem trocar os repetidos.

Ela: Mas  ainda não percebi para que é que serve esta colecção mãe.

(Ora já somos duas!)

Loja nova


Abriu uma loja no Colombo (cujo nome não me lembro) com produtos da Pip Studio, inclusive os maravilhosos papéis de parede e as loiças. Pena que tenham chegado numa altura tão pouco dada a decorações no nosso país.



October 24, 2012

Pois é, devia haver um

Hoje quando voltamos da escola vimos um homem a fazer uma fogueira numa espécie de horta que no nosso caminho. A mais velha diz:
Ela: Mãe, este homem está a arder coisas aqui!

Eu: Pois é, não devia. É perigoso. Ainda por cima ele está muito perto das casas.

Ela: Como é que se chama o Presidente da Administração de não fazer mal à natureza? É que ele devia vir multar este homem!

Hoje estou contente ;)

Não tenho tido tempo de vir aqui. É uma pena. Há "tanta" coisa para contar: a Prof da mais nova queixa-se de mau comportamento de turma e a Prof da mais velha também. Cheira-me que as reuniões vão ser animadas. 
O curioso nisto tudo é que andam as duas a portar-se tão melhor em casa. Looooooooool. School, your turn!

October 22, 2012

October 19, 2012

decor 8


                                                  Mais um blogue com coisas giras

... make (pink) lemonade



A mais velha tem o hábito de transformar qualquer coisa num drama. Estou sempre a tentar explicar-lhe que mais fácil do que chorar sobre um erro devemos tentar encontrar soluções e seguir em frente. E estamos a falar de errar uma letra a caneta e não poder apagar (sim, ela é dramática a este ponto). Mas como acredito que é com pequenas exemplos que aprendemos lições para a vida, lá tento que ela perceba que aquilo não merece uma cena de 10 minutos.

No outro dia, ela resolveu explicar-me como tinha superado um destes seus dramas, fazendo um desenho por cima (como eu lhe tinha sugerido) e continuado com a sua tarefa. E eu elogiei-a:

- Muito bem. Assim é bem melhor e mais divertido do que ficares a chorar, não achas?

- Pois é mãe. Até porque para além disso ía ficar com os olhos todos inchados de tanto chorar!


E é assim a minha filha. As lições da vida ela aprende-as, mas por caminhos bem diferentes e mais cor do rosa do que os que poderia imaginar. ;)

October 18, 2012

Realeza...

Então, as botas novas são confortáveis?

A mais velha: Mãe, são super confortáveis. São como se os meus pés estivesse sentadas num trono.

Ideia peregrina

Hoje acordei e pensei: vou arrumar os papéis porque deixo sempre tudo numa caixa e depois aproxima-se a entrega do IRS e é um stress.

Resumo: o stress foi antecipado 4 meses.
Que seeeeeeecaaaaaaa!

October 17, 2012

Come a sopa toda sff

Uma das desvantagens de ser criança hoje em dia e de não se brincar na rua  com todos os meninos do bairro/cidade/vila é eles ficarem com uma falta de noção de "desenrrascanço" e outra é de que nem todos vivem de forma igual. E o que eu tento explicar isso às minhas filhas.

Não porque ache que as pobres das miúdas devam ser confrontadas com a dura realidade, mas para perceberem que a vida é assim mesmo. (E, um bocadinho também, para pararem de reclamar da minha sopa e de terem peixe à refeição em vez de carne. Que uma mãe tem limites na paciência)

Mas é difícil. O discurso "há meninos que não têm o que comer" soa-lhes tão tonto como soava a nós quando o ouvíamos. "Oh mãe, mas não comem peixe, não é? Que sorte". Obviamente que eles têm tempo para perceber estas coisas todas, mas acho que lhes falta um bocadinho de noção mesmo.

Lembro-me de ir para a escola a pé ou de carro se estivesse a chover e de ver colegas que chegavam com os pais de de mota e outros de carroça (não sou assim tão velha, mas era uma cidade pequena e havia quem fosse de carroça sim). E só isso nos dava uma lição tão clara de que ir de carro quando estava a chover era uma sorte tão grande.

Pergunto-me se esta falta de conhecimento é boa ou má a longo prazo. Há uns anos li um artigo do Dr. Daniel Sampaio que contava que quando tirou os filhos, já adolescentes, de uma escola privada para uma escola pública, que eles acharam imensa piada a terem deixado de ser dos mais pobres da escola (privada) para serem dos mais ricos (na escola pública). Irónico, não é?

October 16, 2012

É só escolher :)

A mais velha: Ai que algarvia que tu estás a falar!

A mais nova: Não! Eu xou bazileira!

October 15, 2012

Ufa que é segunda outra vez.

Mais uma semana depois de um fim de semana "fast and furious". Foi giro estarmos com muita gente diferente, estarmos em muitos sítios, mas na verdade foram muitos programas. Sabem aqueles dias em que não temos nada para fazer e outros em que parece que tudo acontece? Foi assim o nosso fim de semana, mas estamos todos cansados...

October 12, 2012

Ó!



A mais nova: Mãe, o "O" é de ótocolante, não é?

:)))))

I am a Princess


                  Até podemos não adorar a Disney, mas que eles são bons a comunicar são.

Hoje de manhã

Depois do almoço a mais pequena deu um arroto.

"Mãe, foi o meu xérebro que me mandou dar um arroto"

Não é que não saiba

A mais velha estava a contar à tia que letra estava a dar na escola.

- Estou a dar o i, tia. i de ga-lo. (pequena pausa) Quer dizer, de ga-li!

(Isto resume bem a peça. Há tanta coisa importante no mundo, porquê estar a perder tempo com isto que até já sei mas sobre a qual não me apetece falar)

October 11, 2012

Achaques da mãe

Desde que tive de retirar o leite e tudo o que tenha lacticínios da minha alimentação, sou uma mulher mais feliz, pelo menos fisicamente. E de tudo o que tive de rejeitar: queijos, gelados, sobremesas, molhos, bolos...só uma coisa me deixa completamente saudosa: o Cérelac. O que eu gosto daquilo. Desde miúda que sempre adorei. Não era o Nestum, não eram os outros, é só o Cérelac. Chuiff...

Achaques da filha

Com o Outono, começam os achaques da mais nova: tosse, comichões na pele. E hoje de manhã ela acordou com comichão:

- Mãe, estou cheia de comichão. 
- Então vamos pôr o creme para isso passar.
- Não mãe, deixa-me continuar a comichar.*


*(Trad: coçar)

October 10, 2012

Vidinha

Sempre que vou ao supermercado venho a pensar que os preços aumentaram outra vez....

J.Crew

O que eu gosto de colecções de Inverno. E o que eu gosto desta marca. Pena que é tão cara....






October 9, 2012

Constatações


A mais velha: Mãe, sabes porque é que o Ruca nunca vai ter piolhos? Porque ele não tem cabelo! E não vai poder haver um programa chamado: Ruca tem piolhos...


___________________________________________________________________________


A mais nova (a comprar pão com a tia).

Sra. do pão: Quer o pão bem cozido ou mal cozido?

Ela: O meu é mal cozido, porque depois eu gosto dele torrado.

October 8, 2012

Estou velha mas não tanto :)

A mais velha:

"Mãe, quando tu eras pequena as coisas eram a cores?"

Géneros

O pai para a mais nova.

Pai: É o meu tesouro.

Ela: Pai, eu sou uma menina! Eu sou a tua tesoura!

October 6, 2012

Humans of New York



Esta página do FB é uma das minhas preferidas no momento. É um bocadinho como o Sartorialist ou como o Alfaiate Lisboeta, mas menos fashion, com melhores textos e com a grande/imensa vantagem de ter como tema NY. A cidade que nunca desilude. Ou seja, muito melhor.
Hoje achei uma graça a este post, entre dois irmãos.


E que me fez lembrar a parte preferida do meu dia. Quando a mais nova se (re)encontra com a irmã na saída da escola e as duas se abraçam. São 2 ou 3 minutos tão bons, antes de voltarmos à vida normal de duas irmãs. ;)

October 4, 2012

Cooking with kids


Ideias giras para quando não for tão bom ir para a rua.

Se é para correr, quero saber porquê?

Ir buscá-las à escola é uma verdadeira maratona de filas de trânsito, lugar para estacionar, polícia e "Emel"'s sempre à espera para mais um multa. Um horror.

Ontem estacionei, bem, mas deixei os quatro piscas porque não tinha moedas. Quando estava a voltar com elas, liga-me uma amiga a dizer que estavam a rebocar todos os carro ali da rua, para eu ir depressa.

Eu comecei a correr e disse: "Meninas, corram! Vão rebocar o carro da mãe!"
Elas lá correram, coitadas e iam falando mas eu não lhe ligava muito só dizia: "Vá, mais rápido porque isto é sério."

Quando chegámos ao carro, a mais velha diz ofegante:

"Mas mãe, o que é rebocar?!?"

(Ups!)

Já ouviram maior verdade? ;)


October 3, 2012

Só falo com a presença de um advogado

Hoje de manhã a mais velha mostrou-me mais um dente a abanar.

Ela: Mãe, quanto tempo é que achas que falta para cair?

Eu: Um dia.

Ela: Pai, a mãe apostou que o meu dente cai hoje! Mãe, se não cair vais ter de me dar um chocolate!

(?!??!?!?!)

October 2, 2012

A hacker do meu computador


A mais nova: "Mãe, eu não sei o que fiz no computador...desapareceu a bolinha.

 Tradução: Fiz desaparecer o logo do Chrome do desktop

Halloween is coming III


              Mais um. Ensina a fazer tudo passo a passo. (Eu prometo que vou parar com isto ;)

October 1, 2012

Nice craft

Mais um craft giro. Estamos a ficar as freaks do trabalhos manuais. Este fim de semana, a mais nova, cheia de sono à tarde e quase com os olhos já fechado só dizia: eu quero fazer trabalhos manuais... ;)